Plano de marketing para seu supermercado: nunca foi tão essencial tê-lo. Com a grande competição do mercado, com consumidores sendo inundados com conteúdos de todos os lados: redes sociais, e-mail, comerciais, rádio, tabloides, outdoors, ter uma estratégia de marketing – tradicional e digital – é fundamental para planejar o crescimento e futuro do negócio.

O desafio de conquistar o consumidor é ainda mais complicado no mundo do varejo, que está se transformando e sofrendo grande disrupção nos últimos anos por diversos fatores. O principal deles, é o e-commerce, com as lojas virtuais tomando espaço do varejo físico, oferecendo experiências melhores e preços competitivos, utilizando o marketing digital para bater nos concorrentes off-line. Mas seja varejo físico ou digital, todos os negócios precisam de um plano de marketing para atingir todo seu potencial.

Plano de marketing para seu supermercado

Para se destacar dos concorrentes físicos quanto os digitais, é preciso ter um conhecimento aprofundado de quem são seus clientes. Esse é o primeiro passo para criar uma estratégia projetada especificamente para atingir o público que você deseja. Somente assim seu supermercado conseguirá atingir todo o potencial e crescimento, engajando seus clientes das maneiras mais eficazes.

Veja alguns passos para dar um salto e melhorar o plano de marketing do seu supermercado:

1. Identifique a Missão do supermercado

Pode parecer coisa pequena, mas não é. Antes de fazer qualquer esforço de marketing, é imperativo que primeiro estabeleça a missão e visão do seu negócio.

Você deve entender quais necessidades seu supermercado satisfaz dos consumidores (e não, não é somente abastecer o estoque de casa). Ter essa compreensão do seu valor vai guiar todas as decisões subsequentes que você fizer a respeito de como divulgar sua marca aos consumidores.

Conheça seu público alvo

2. Conheça seu público alvo

Uma vez que você já sabe o papel do seu negócio no mercado, o próximo passo é estabelecer uma ideia clara do perfil do cliente ideal.

Os dois, obviamente, estão conectados, mas muitas empresas negligenciam reconhecer que a forma como seu negócio é projetado e o seu posicionamento no mercado tem papel fundamental em determinar o público que vai atrair.

3. Decida sobre a gestão da sua marca (branding)

Após definir sua missão e público alvo, você precisa decidir como é a melhor forma de conectá-los.

Tudo desde a logomarca do supermercado até a forma como se comunica com seus clientes molda o branding do seu negócio.

Faça benchmark com outros supermercados; veja o que seus concorrentes estão fazendo e use como forma de inspiração e como se diferenciar deles perante seus clientes.

O que torna sua abordagem diferente? Por exemplo, você está liderando em preço, qualidade, atendimento, praticidade, experiência?

Nesse estágio da sua estratégia de marketing, é crítico que você revise sua precificação e identifique como ela será feita

Presença digital para supermercado

4. Estabeleça um marketing digital e presença online para seu supermercado

Dada a Era das redes sociais em que vivemos, não é surpresa ver que muitos negócios, inclusive supermercados, já estão explorando redes sociais como Facebook, Instagram, Youtube e Twitter. No entanto, presença digital não quer dizer apenas criar uma conta nesses sites e usá-los para divulgar ofertas.

Além de facilitar a jornada de compras do seu cliente e deixar mais acessível as informações dos seus preços e ofertas, para seu supermercado engajar e fidelizar seus clientes ele deve trazer conteúdos educativos relacionados aos produtos e serviços que oferece – o famoso “marketing de conteúdo”.

Você tem sessão de vinhos no seu mercado? Escreva sobre tipos de vinho.

Quer aumentar as vendas no açougue? Eduque e engaje seus clientes no meio digital ensinando como escolher o melhor corte de carne para cada tipo de refeição.

Os conteúdos criados devem ser publicados em um site do supermercado, em uma seção de blog e as redes sociais são usadas para divulgar tal conteúdo e trazer leitores para seu site. Dessa forma, seu supermercado fica melhor posicionado nas buscas do Google e você ganha visibilidade com muito maior facilidade (e até mesmo sem precisar gastar com anúncios no Google!)

5. Vire e defina-se como um especialista

Nos últimos anos, marketing de conteúdo tornou-se uma forma muito boa de as empresas atraírem a atenção das pessoas. Entretanto, essa é apenas uma das várias maneiras de estabelecer um negócio como o especialista diante dos clientes.

Você pode se perguntar: “como um supermercado pode virar especialista em marketing de conteúdo?”. É possível voltando-se ao ponto que sua empresa definiu que vai se diferenciar e focar. Se, por exemplo, definiu que vai ser qualidade, pode se posicionar e focar-se como especialista na área do seu açougue, padaria e hortifrúti, oferecendo conteúdos relacionados a receitas, modo de preparo etc de produtos dessas categorias.

Outra forma de se posicionar como especialista é fazendo parcerias com outras empresas – por exemplo, indústrias e fornecedores tanto de alimentos quanto de itens de cozinha.

Ao se posicionar como especialista e melhor em determinado ponto, quando consumidores pensarem nos produtos que você vende, seu supermercado será o primeiro a vir às suas mentes.

Monitoramento de resultados

6. Monitore os resultados do seu plano de marketing e ajuste de acordo

Mesmo que se você criou todo plano de marketing para seu supermercado e está o executando, você precisa estar preparado para revisá-lo e ajustar suas estratégias quando os resultados não estiverem satisfatórios. Essa flexibilidade para reconhecer as falhas e mudar a estratégia é essencial para desenvolver e garantir o crescimento e prosperidade do seu supermercado.

Para evitar que seu supermercado fique estagnado, adote alguma ferramenta de analytics para monitorar resultados e agir rapidamente se necessário.

O marketing do futuro para supermercados

Além dos canais tradicionais e digitais já consolidados, gestores de supermercado devem ficar atentos a novas oportunidades de se conectar aos seus consumidores e divulgar suas ofertas e preços.

Pesquisas mostram que consumidores cada vez mais fazem buscas e comparações de preço online, até mesmo para supermercados. Os supermercados que não estiverem online, com suas informações disponíveis para os consumidores, poderão perder vendas, mesmo tendo preços mais competitivos que seus concorrentes.

Outro ponto é que, mesmo preço sendo o maior influenciador para os consumidores, esses também buscam experiências e ofertas personalizadas, baseadas em suas preferências, e esperam que os varejistas usem as informações que têm deles para oferecer experiências de compra cada vez melhores.

 

Quer explorar um ótimo canal digital para conectar com seus clientes e divulgar suas ofertas? Fale com nossa equipe da Easy Preços!